100 Mile House – Open Ideas Competition

 

Architecture Foundation of Britsh Columbia, Canada, promoveu em 2012 a competição internacional de ideias denominada 100 Mile House – Open Ideas Competition. O edital convidou os participantes a explorar, repensar, questionar e experimentar novas ideias que ampliassem o conceito da casa regional e a maneira como vivemos, tendo como foco o design sustentável. Os concorrentes foram desafiados a projetar uma casa para acomodar quatro pessoas, com uma área máxima de 110 metros quadrados, utilizando apenas materiais e sistemas feitos / fabricados / reciclados num raio máximo de 100 milhas ao redor da cidade de Vancouver, Canada. 

 

A Morato Arquitetura participou do 100 Mile House – Open Ideas Competition com uma proposta de projeto que enfatizou o desenho contemporâneo e incorporou soluções de arquitetura bioclimática e tecnologias “verdes” com objetivo de garantir o design sustentável para a construção e o uso da residência:

 

• Sequestro de carbono. A madeira é uma forte aliada para a retirada do dióxido de carbono da atmosfera. Na maior parte da casa, estrutura e vedações, empregamos a madeira certificada de reflorestamento; 

 

• Captação e reuso de águas pluviais. A cobertura, com forma de asas de borboleta, capta as águas das chuvas e as conduzem, por gravidade, a um sistema subterrâneo de filtragem e armazenamento. Estas águas são reutilizadas nos sistemas de descarga dos vasos sanitários e irrigação dos jardins;

 

• Tecnologias “verdes”. Uso dos vidros duplos inteligentes (ajuste automático de translúcido / opaco) para melhor controle da temperatura interna. Instalação de painéis solares fotovoltaicos na cobertura e geradores eólicos, ambos utilizados para produção de energia elétrica limpa. Lâmpadas com certificados para alto desempenho energético. Na cobertura também temos os painéis de aquecimento solar da água.

 

• Desempenho térmico do edifício. As aberturas envidraçadas e as paredes “cegas”, estrategicamente posicionadas em relação ao percurso do sol, permitem o conforto térmico, tanto no inverno quanto no verão. A ventilação cruzada nos ambientes, promovida pela disposição correta dos vãos, também contribui para um melhor controle térmico natural;

 

• Materiais reciclados. O projeto privilegia o uso de materiais reciclados e/ou oriundos de demolições de outras edificações. Assim, vários revestimentos internos e os elementos metálicos serão reaproveitados na construção.

 

Ficha Técnica

 

Concurso: 100 Mile House – Open Ideas Competition

Local: Vancouver, Canadá

Área: 110 m2

Ano: 2012

Autor do projeto: Ulisses Morato

Coloaboração: Géssica Guimarães Costa e Silva - estagiária de arquiteta 

 

1/6

Belo Horizonte - MG

Brasil

  • Facebook quadrado preto